Design sem nome (31)

5 Dicas para as lojas venderem mais no Natal

O Natal, a data mais importante para o varejo está chegando. Seja loja de shopping ou de rua, especialistas acreditam que o espírito natalino será um impulsionador das vendas neste ano. A Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (CNC), estima que as vendas no Natal em 2020 devem movimentar R$ 37,5 bilhões no comércio, trazendo um sinal de esperança aos lojistas.  

Com todos os acontecimentos do ano pandêmico, o cenário indica que a troca de presentes será intensificada, já que as pessoas passaram a valorizar ainda mais umas às outras. Estamos vivenciando uma maior flexibilidade quanto à pandemia, que deve se manter entre os meses de novembro e dezembro, trazendo mais liberdade para ir às compras e a perspectiva de passar esta data especial com pessoas queridas.  

Para contribuir com as estratégias do seu negócio, separamos 5 dicas para venderem mais no Natal

  • Treinar a equipe de vendedores: 

A data comemorativa requer um time de vendas engajado, por isso, não hesite em voltar com a equipe que tinha antes da pandemia. Como os colaboradores estiveram um tempo afastados, os treinamentos são essenciais para garantir um melhor atendimento, que seja especializado e completo para o seu cliente. Lembrando que o Natal é a maior data festiva desde a flexibilização, com grandes possibilidades de ser promissor e trazer várias demandas para as lojas.  

  • Abastecer e gerenciar os estoques: 

Não deixe nada para a última hora. Lembre-se de abastecer e gerenciar os estoques para o final de ano. Isso assegura que não haverá falta de produtos e nem perda de faturamento, além de ter um estoque disponível para o consumidor escolher e comprar com tranquilidade.  

  • Não abandonar as novas formas de vender conquistadas na pandemia: 

Acreditamos nas lojas físicas e claramente elas vão continuar existindo, mas é fato que as pessoas também vão seguir comprando pela internet. Aos lojistas que ainda não começaram a vender online, é hora de refletir e dar o primeiro passo antes do Natal, garantindo mais essa opção aos clientes. O varejista deve se planejar antecipadamente para vender tanto no presencial quanto no digital, sem esquecer do delivery e de outras facilidades e formas de vendas que vieram para ficar e agregar aos negócios. 

  • Enfeitar o visual da loja com o clima natalino: 

A loja física é o espaço onde os consumidores vivem a experiência da sua marca. Em especial, o Natal traz um clima de união, família e amor, e trazer esses elementos nos ambientes fará toda a diferença na hora das compras. Enfeite os espaços com itens natalinos, guirlandas, luzes, papai noel, trenós, presentes, renas e outros. A estética deve ser agradável e chamativa, já que as pessoas se sentem mais confortáveis nas lojas com essa energia de otimismo que o Natal proporciona.  

  • Selecionar uma linha mais econômica e temática para o Natal: 

Crie e selecione produtos com temas e cores que se relacionam com as comemorações de fim de ano, como peças e itens para serem usados no Natal e no Réveillon. Se possível, ofereça esses produtos de forma econômica ao seu público. Uma sugestão, por exemplo, seria desenvolver uma linha de calcinhas e cuecas com esse clima, ou outros produtos – de acordo com a realidade de cada lojista, aproveitando as cores, detalhes e a magia do Natal. 

Já deu para perceber o poder do clima natalino para entusiasmar as suas vendas na data comemorativa, não é mesmo? Não se esqueça que antes da compra, existe todo um caminho que o seu cliente percorre a partir da sua loja. Esteja atento a todos os detalhes e boas vendas. 

Gostou do nosso conteúdo? Assine nossa newsletter e faça parte da nossa comunidade. 

Compartilhe:
Design sem nome (21)

Saiba como aproveitar melhor a Black Friday 2020

Neste ano atípico de pandemia, o varejo foi um dos setores mais afetados pela crise. Apesar das incertezas, a segunda data mais importante para os lojistas está chegando, a tão esperada Black Friday, que será no dia 27 de novembro. Segundo dados das buscas do Google, o evento de compras em 2020 será maior em comparação com o ano passado. E se você lojista está em busca de dicas, esse conteúdo vai te ajudar em como aproveitar melhor a Black Friday

Assim como os consumidores, que passaram a comprar mais pela internet, inclusive novos públicos começaram a fazer compras online pela primeira vez, os varejistas tiveram que se adaptar rapidamente ao novo cenário, que exigiu digitalização e responsabilidade sanitária nas lojas físicas, atendendo as medidas de segurança. Esses fatores devem ser considerados no plano de estratégias para a Black Friday 2020. Ao mesmo tempo que ocorreu um aumento significativo nas vendas online, houve um crescimento na concorrência, o que exige mais ainda dos lojistas inovação criatividade.  

Alguns especialistas destacam que o varejo deve apostar na integração do ambiente online com as lojas físicas, mas levando em consideração as medidas de limpeza e sanitização de ambientes para preservar a saúde dos consumidores e colaboradores no dia da ação. Lembrando que caso o negócio seja uma franquia, é importante seguir as promoções e táticas do franqueador.  

Nesse sentido, separamos 5 dicas para o varejo acertar na Black Friday

  • Eleger um ou mais produtos como carro chefe da data. Faça uma análise nas vendas dos últimos seis meses e escolha um item que esteja em alta; 
  • Criar ações para que os consumidores comprem online e passem na loja física apenas para retiradas; 
  • Colocar descontos exclusivos e condições especiais para as compras na loja física, aproximando o contato entre vendedor e cliente, a partir das recomendações de segurança; 
  • Organizar financeiramente o negócio para manter os valores e criar promoções atrativas para a ação; 
  • Readequar a loja física para receber os clientes nesse dia, tanto as estruturas do local quanto a atuação dos vendedores. 

Com essas dicas, fica mais simples pensar nas estratégias de vendas para a Black Friday 2020, basta adaptá-las com a realidade e o contexto da sua loja. Não se esqueça de aproveitar o momento para estreitar o relacionamento com o seu público, mostrando que além de se preocupar com a saúde coletiva, está disposto a oferecer opções viáveis e atrativas nessa data especial.  

Para aqueles consumidores que optarem por comprar presencialmente, seja bastante receptivo, apresente a loja e os vendedores e cative com o melhor atendimento. Além disso, não se esqueça de fazer previsões realistas em todas as frentes do negócio, organizar o estoque e manter contato com os fornecedores para que tudo saia dentro do planejado. E vocês, como estão se preparando para essa data tão esperada para o varejo? Deixe nos comentários.  

Clique aqui e acompanhe nossos conteúdos sobre a transformação no varejo! 

Compartilhe:
Design sem nome (12)

Conheça o PIX e as vantagens para os lojistas

O Pix é o assunto do momento, mas afinal, você conhece essa novidade? Pix é um novo meio de pagamento criado pelo Banco Central (Bacen), uma revolução entre o que já existe no mercado. Os benefícios do Pix são tanto para quem compra quanto para quem vende, pois ele facilita justamente o processo de compra e venda. Rapidez e segurança nas transações financeiras são as palavras chaves do Pix, que será lançado oficialmente no dia 16 de novembro.  

As principais vantagens para os lojistas serão relacionadas à instantaneidade. Os pagamentos serão feitos em tempo real, ou seja, ocorrerão todos os dias do ano, em qualquer horário (24h por dia), inclusive nos finais de semana e feriados, sem nenhuma taxa para pessoas físicas e MEIs. Além disso, as transações poderão ser realizadas entre instituições bancárias diferentes, facilitando mais ainda os processos financeiros.  

E como o Pix vai funcionar de fato? 

As transações serão feitas sem um cartão físico ou senha, boleto bancário ou diversos dados financeiros para enviar o dinheiro, já que o processamento será diretamente pelo Banco Central, tornando tudo mais simples, veloz e barato. As instituições financeiras já estão cadastrando a chamada chave Pix, que é como se fosse um atalho ou um apelido que resumirá todos os dados da conta do usuário, simplificando os pagamentos. A chave Pix pode ser um e-mail, CPF ou CNPJ, número de telefone ou uma chave aleatória, além de código QR.  

As pessoas físicas podem cadastrar até cinco chaves, enquanto as empresas conseguem cadastrar até 20. A funcionalidade é gratuita para usuários pessoa física e MEI (Micro Empreendedor Individual), enquanto as empresas terão um custo para aderir ao Pix, variando de acordo com cada instituição financeira. A chave aleatória funcionará como uma senha, combinando letras, números e outros caracteres, que será criada pelo Bacen quando solicitada. Quando o sistema acessa a chave Pix, automaticamente identifica todos os dados da pessoa, seja ela física ou jurídica.  

Listamos 3 vantagens que o Pix oferece às empresas: 

  • Redução de custos: O Pix será mais acessível do que as opções existentes de TED e DOC, pois o pagamento será realizado diretamente entre lojista e consumidor. Também poderá substituir/diminuir o uso das máquinas de cartão e boletos, que normalmente têm taxas mais elevadas.  
  • Agilidade e segurança nos pagamentos: O lojista poderá ter um código QR em seu balcão para que o cliente digitalize pela câmera do celular e faça a operação em segundos, facilitando a rotina dos envolvidos. Além disso, é uma maneira mais segura, já que diminui o uso de dinheiro físico.  
  • Melhor gerenciamento da loja: Com todas essas novidades, será mais fácil fazer o fluxo de caixa do negócio ao receber em tempo real. Também possibilita pagar fornecedores, funcionários e outros tributos com a mesma rapidez e menos burocracia. 

O Pix está chegando no mercado e logo poderemos experimentar todas essas facilidades. O lançamento será antes da Black Friday, o que pode favorecer ainda mais essa data comemorativa tão importante para o varejo. Por fim, esperamos que o Pix melhore a experiência do cliente e expanda as possibilidades de mercado, pois é o que há de mais novo e tecnológico nesse sentido.   

Quer ficar por dentro das novidades que auxiliam o seu negócio? Assine nossa lista e receba todos os conteúdos.  

Compartilhe: